Tel:11 - 4604-8046 | E-Mail: [email protected]

Notícias do Mercado Brasil pode se tornar a primeira potência agroambiental do...

Brasil pode se tornar a primeira potência agroambiental do planeta

-

- Advertisement -
- Advertisement -

Durante evento virtual foram apresentadas análises e estudos inéditos sobre o desenvolvimento da produção sustentável de alimentos no País.

Produzir e preservar não só é possível, como já é uma realidade no Brasil e isso pode levar o País a se tornar a primeira potência agroambiental do planeta. “Temos tecnologia e vocação ambiental para esse desafio”, celebrou Renato Rodrigues, presidente do conselho gestor da Rede ILPF. Segundo Rodrigues, o Brasil tem algumas metas pela frente como aumentar a produtividade em 50% com a integração das áreas e chegar em 2030 com mais de 35 milhões de hectares com os sistemas da integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF), que é considerado uma das estratégias-chave para garantir a produção sustentável de alimentos e foi amplamente abordado durante o primeiro dia de palestras do Santa Brígida Open Farm, versão virtual do tradicional Dia de Campo, realizado ontem, 9/6.

“Mais de 66% da vegetação nativa é preservada no Brasil. Temos uma área produtiva de 30,2%, sendo que apenas 7,8% são utilizadas para lavouras e o restante para pecuária. Temos potencial para dobrar a produção de grãos se utilizarmos a Integração”, ressaltou o presidente do conselho gestor da Rede ILPF, que também destacou que nos últimos 40 anos o Brasil conseguiu aumentar a produção agrícola em 500%.

O evento virtual contou com a participação da Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, que enalteceu o produtor rural brasileiro. “Mais de 52 milhões de hectares adotaram pelo menos uma das seis tecnologias apresentadas pelo plano ABC. Quem coloca isso em prática é o produtor rural que empreende e inova. A intensificação sustentável pelas tecnologias de integração pode ser feita em todos os tamanhos de propriedade e em todos os biomas”, afirmou a ministra.

O ex-presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, Maurício Lopes, falou sobre os avanços e desafios no setor, destacando a Agenda Global 2030, coordenada pelas Nações Unidas, que estabelece 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. “De todas as atividades humanas, a agricultura é a que tem mais conexão com o desenvolvimento sustentável. Vemos uma mudança de visão mais focada em sistemas resilientes e que dão uma contribuição relevante para a sociedade que paga por este produto”, comentou.

Também participaram do primeiro dia do Santa Brígida Open Farm Cory Reed, presidente Global da Divisão Agrícola da John Deere; Paulo Herrmann, presidente da John Deere Brasil; Marize Porto, proprietária da fazenda Santa Brigida; Iêda Mendes, pesquisadora da Embrapa; Guillermo Carvajal, diretor Regional de Negócios Sustentáveis e Responsáveis da Syngenta; Luiz Lourenço, presidente da Cocamar Cooperativa Agroindustrial; e Gustavo Lunardi, diretor de Operações da SLC Agrícola.

Nesta quinta-feira, 10/6, a partir das 19h, o evento abordará as oportunidades de investimentos verdes para financiar e impulsionar o desenvolvimento da agricultura sustentável no Brasil. Palestrarão Leisa Souza e Justine Leigh-Bell (Climate Bond Initiative), José Pugas (CEPTIS/Agro) e Aurélio Pavinato (SLC Agrícola). No fechamento haverá um painel especial sobre a indicação de Alysson Paolinelli para o prêmio Nobel da Paz 2021. Para acompanhar, basta acessar o portal Santa Brigida Open Farm . Em breve o conteúdo do primeiro dia de evento também estará disponível no site.
(Fonte: Assessoria de imprensa)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas noticias

Minicarregadeiras New HollandConstruction comemoram 50 anos

Máquinas da marca da CNH Industrial foram pioneiras em recursos de segurança do operador e produtividade. Em reconhecimento às cinco décadas...

Mineradoras prestam contas sobre avanços das metas da[…]

Desde que foi anunciada publicamente, em setembro de 2019, no maior evento do setor mineral da América Latina, a...

Usina de Asfalto Móvel Rebocável MD 1000: alta performance com baixo custo…

Produção para pré-misturado frio de até 40 toneladas por hora e lama asfáltica de 1.000m²/hora na espessura 7 milímetros. A...

Haco traz soluções para transportador de correia

Equipamentos trabalham com baixas e altas velocidades e podem ser controlados para se adequarem melhor às necessidades do cliente. A...
Anterior
Próximo

Guindastes articulados IMAP: Força e produtividade

  Equipamentos para movimentação de cargas diversas e elevação de pessoas. Os guindastes articulados da IMAP, empresa de soluções em equipamentos...

Reduza custo e ganhe tempo com as betoneiras GBACH

Modelos disponíveis têm capacidade útil de 250 litros, e de 350 litros por ciclo, sendo que a segunda versão...

Mais Lidas

Minicarregadeiras New HollandConstruction comemoram 50 anos

Máquinas da marca da CNH Industrial foram pioneiras em recursos...

Mineradoras prestam contas sobre avanços das metas da[…]

Desde que foi anunciada publicamente, em setembro de 2019,...

Você também pode gostar deRELATED
Recomendamos para você