Erros comuns de corte a plasma que afetam a vida útil dos consumíveis

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Entenda quais são os principais cuidados para obter os melhores resultados no uso do corte a plasma, possibilitando a estender da vida útil de consumíveis em até 50%.

Existem atualmente no mercado diversos tipos de soluções de corte de metal, e o corte a plasma se tornando rapidamente o processo mais utilizado nos últimos anos devido aos avanços tecnológicos que o tem tornado mais versátil, além de oferecer melhor custo-benefício. Porém, para obter melhores resultados usando o sistema de corte a plasma é necessário seguir alguns cuidados.

Embora os consumíveis de hoje sejam projetados para resistir a horas de corte com arco, os clientes às vezes descobrem que esses itens não duram tanto quanto deveriam. De acordo com Edson Urtado, Sales Manager da Hypertherm , relevante empresa no setor de corte de metais, o motivo dessa vida útil reduzida geralmente está relacionada a problemas que podem ser facilmente solucionados.

“Os problemas frequentemente têm relação com as configurações do CNC, com a mesa de corte ou com a condição da tocha ou dos consumíveis. Corrigindo esses erros, é possível estender a vida útil dos consumíveis em até 50%”, complementa Edson.

Confira abaixo quais medidas tomar e o que é necessário corrigir para que os consumíveis tenham uma vida útil estendida e seja possível obter bons resultados no corte.

Configurações do CNC

  • Vazão de gás ou pressão incorreta;
  • A velocidade de corte é muito rápida ou muito lenta;
  • Seleção de processo incorreta para o material e espessura que está sendo cortada;
  • O controle de altura da tocha está muito alto ou muito baixo, ou a tensão do arco não é ajustada quando necessário.

Consumíveis

  • Tocha em más condições;
  • Os consumíveis estão instalados incorretamente;
  • Estão sendo usadas ferramentas de limpeza erradas;
  • Os consumíveis gastos são colocados de volta na tocha;
  • Os anéis retentores estão com excesso ou falta de lubrificação;
  • Consumíveis errados são selecionados para o trabalho de corte.

 

Mesa de corte

  • Muita escória nas ripas da mesa;
  • Aterramento impróprio da mesa e da peça de trabalho.

Mais informações acessar: https://www.hypertherm.com/pt

(Fonte: Assessoria de imprensa)

 

Deixe seu comentario

Ultimas Noticias

Fique por dentro das novidades

Inscreva-se para receber novidades em seu Email, fique tranquilo que não enviamos spam!

x

Assine já EaeMáquinas​

R$60,00 /ano

ASSINAR AGORA!

Sobre Nós

A Revista EaeMáquinas, de circulação bimestral, é o melhor guia de compras do setor de máquinas; relacionando as empresas, revendas e distribuidoras de equipamentos, peças, prestadores de serviços e notícias relacionadas ao mercado.

Contato: [email protected] — Tel.:11- 4604-8046

Siga-nos